Seg, 18 de Dezembro de 2017
EFEITO TEFLON
Escrito por Márcio Alvarenga    Sáb, 17 de Março de 2012 01:07    PDF Imprimir E-mail
Esta expressão serve para caracterizar aquelas pessoas que possuem uma capacidade de se mostrar blindadas quando se trata de serem alvo de denúncias. Na história recente do Brasil, vamos encontrar personalidades políticas que conseguem passar incólumes por verdadeiras avalanches de denúncias. Nada gruda nessas figuras que conseguem cansar os opositores, dada a própria resistência em assimilar os golpes sem contudo acusá-los. A título de ilustração poderíamos citar o caso do ex-presidente Lula, que principalmente no seu primeiro mandato, enfrentou as denuncias sobre o mensalão, escândalos de ministros, como do ex-ministro Palocci no episódio do caseiro. Não obstante esses fatos, a imagem do ex-presidente se manteve rigorosamente inalterada, ostentando altos índices de aprovaçao. Também ocorre o contrario do efeito teflon, quando então determinados políticos tem respingados em sua figura o que nem sempre é fato concreto, mas sim fruto de especulações e intrigas. Durante um processo político, varias armadilhas são montadas, cabendo ao político hábil ter a capacidade suficiente para evitá-las. Uma dessas armadilhas ocorre por conta de uma certa arrogância do político em achar que conhece seus adversários e o eleitorado na palma da mão. Um outro ponto de desgaste do político está no uso descontrolado de determinadas expressões como "vamos ver", "vamos estudar o caso" ou então "vamos analisar o assunto". Também pode precipitar o embarque na canoa dos perdedores, o político que subestimar a força dos boatos e das calunias, na realidade o "efeito teflon" é privilegio de poucos.
Última atualização ( Sáb, 17 de Março de 2012 01:27 )
 

Programa Trocando em Miudos     Sebrae      Portal do Investidor      INEP      Ipea      IBGE      Fundação Getúlio Vargas